domingo, 10 de janeiro de 2016

Resenha #24 - A Playlist de Hayden

Para já começar amando, a autora da uma música por capítulo. E geralmente eu só leio quando estou ouvindo músicas, então foi muito bom ter uma playlist especial para aquele livro. Queria eu que todos fossem assim.


Tenho tanta coisa a dizer, por onde começar ?
 
 
Título: A Playlist de Hayden
Autora: Michelle Falkoff
Ano: 2015             
Páginas: 288
Idioma: Português 
Sinopse: Depois da morte de seu amigo, Sam parece um fantasma vagando pelos corredores da escola o que não é muito diferente de antes. Ele sabe que tem que aceitar o que Hayden fez, mas se culpa pelo que aconteceu e não consegue mudar o que sente

Enquanto ouve música por música da lista deixada por Hayden, Sam tenta descobrir o que exatamente aconteceu naquela noite. E, quanto mais ele ouve e reflete sobre o passado, mais segredos descobre sobre seu amigo e sobre a vida que ele levava.

A PLAYLIST DE HAYDEN é uma história inquietante sobre perda, raiva, superação e bullying. Acima de tudo, sobre encontrar esperança quando essa parte parece ser a mais difícil.

 

Sam e Hayden eram melhores amigos, não eram populares e sofriam muito bullying na escola. Eles viviam em um mundo Geek, cercados de músicas, video-games, histórias em quadrinhos, filmes, jogos entre outros.
Mas um dia, Hayden se suicida, deixando apenas um pen drive com um bilhete para Sam:
Nesse pen drive havia uma playlist com muitas músicas, e ali, Hayden acreditava que Sam iria compreender o que se passava. Sam se sentiu massacrado, estava confuso, com raiva, sozinho. Até chegar no estado de revolta . Ele queria vingança. Até que um dia, a vingança lhe é dada. Então, ele se questiona e fica em uma agonia para saber quem está por trás de tudo isso.

A playlist deixa Sam muito confuso porém ávido por respostas. Através da playlist, Sam fez novos amigos (pessoas com as quais Sam nunca pensou em se relacionar), conheceu a paixão e os desafios da conquista, descobriu segredos e se envolveu em muitas situações delicadas, graças à acontecimentos misteriosos ocorridos durante sua busca pela verdade.
 
Muita coisa acontece, Sam conhece muitas pessoas, e vê que a morte de alguém não é o fim.


O livro aborda um tema muito legal que é como lidar com a morte de uma pessoa próxima a ti. Mostra reações reais, que pessoas comuns normalmente tem. Mostra a realidade dura, a saudade, o medo do esquecimento, o medo do desrespeito com o falecido e muitas outras coisas.
Eu me identifiquei bastante com a história, sendo uma ótima leitura, pois tudo se desenrola com um ótimo fluxo e o suspense te corrói, faz com que você leia muito rápido e queira saber o que acontece no final.
Um livro sensível e muito inteligente. Diferente de muitos outros livros sobre o mesmo assunto, a história é contada de uma perspectiva diferente, a partir do sofrimento do melhor amigo da vítima. Sendo contada em primeira pessoa, a história não é cansativa; os detalhes são breves e as músicas listadas como título de cada capítulo, são essenciais para o entendimento da história. Ideia aliás, maravilhosa ao unir música e leitura.
O que Sam fará agora? Quanto impacto isso terá sobre ele? Com quem que ele irá conversar? Será que ele está enlouquecendo?
Leia e descobrirá.
 
 

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...