sexta-feira, 1 de abril de 2016

Resenha #43 - O Segredo do Meu Marido


Autora: Liane Moriarty
Editora: Intrínseca
Gênero: Romance australiano
Páginas: 368
Ano: 2014


Sinopse: Ela virou o envelope. Estava lacrado com um pedaço de fita adesiva amarelada. Quando a carta tinha sido escrita? Parecia velha, como se tivesse sido anos antes, mas não havia como saber ao certo. Imagine que seu marido tenha lhe escrito uma carta que deve ser aberta apenas quando ele morrer. Imagine também que essa carta revela seu pior e mais profundo segredo - algo com o potencial de destruir não apenas a vida que vocês construíram juntos, mas também a de outras pessoas. Imagine, então, que você encontra essa carta enquanto seu marido ainda está bem vivo...



Cecilia Fitzpatrick tem tudo. É bem-sucedida no trabalho, um pilar da pequena comunidade em que vive, uma esposa e mãe dedicada. Sua vida é tão organizada e imaculada quanto sua casa. Mas uma carta vai mudar tudo, e não apenas para ela: Rachel e Tess mal conhecem Cecilia - ou uma à outra -, mas também estão prestes a sentir as repercussões do segredo do marido dela. Um romance emocionante, O Segredo do Meu Marido é um livro que nos convida a refletir até onde conhecemos nossos companheiros - e, em última instância, a nós mesmos. 

     Não há nada mais incrível do que você encontrar um livro de um autor - recém melhor autor - pra você na Bienal vendendo por um preço bem em conta. Paguei R$19,00 no estande da Intrínseca pelo livro da Liane Moriarty. Eu a conheci lendo pequenas grandes mentiras no mês passado e não sei mais dizer quantas vezes ela ganhou meu coração. Com os quotes, com a inteligência e principalmente como ela torna uma história que tinha tudo pra ser boa em algo melhor do que você imaginava.

     Conheci "O segredo do meu marido" através da Polly do instagram @estantedapolly e depois disso só vi blogueiras falando da querida Liane. Confesso que logo que comecei a ler o livro eu pensava "não tenha grandes expectativas" mas não consegui não ter e me encantei do mesmo jeito. 

     Neste livro conhecemos a histórias de três famílias: Rachel, uma senhora avó do Josh que não consegue seguir em frente mesmo após de ter perdido sua filha há vinte e oito anos atrás. Tess casada com Will que se mostra apaixonado por sua prima Felicity e Cecilia Fitzpatrick casada com o dono da carta, o marido que tem um segredo. Um dia Cecilia encontra um envelope lacrado escrito com a letra de seu marido "para ser aberto na ocasião de minha morte". Você abriria? Você leria? A curiosidade dela foi maior e ela abriu, porém naquela carta havia um segredo que não só mudaria sua vida, mas das pessoas a sua volta. Cecilia se sentiu mal por saber do segredo ao mesmo tempo que se sentia aflita. Você compartilharia um segredo que pode mudar o destino de todos? E sim estou falando de pessoas chegadas, do seu convívio.
Resultado de imagem para o segredo do meu marido trechos
     Pontos positivos do livro além da história: mostrar que não é porque estamos casados com uma pessoa que nós sabemos sua vida particular e nada é oculto que não será revelado. Pode demorar, mas aparece. Sempre aparece.



     A capa desse livro me ganhou mais do que o preço, confesso. Mas quero ressaltar o quanto indico esse livro. O modo como as três histórias ganham vida e se entrelaçam... Para exatamente te mostrar que a vida é assim. A cidade é pequena, todos se conhecem. Os acasos existem e as coisas que queremos deixar pra trás, as vezes tem vontade de vir a tona. 

     Antes que eu me esqueça: a CBS já adquiriu os direitos cinematográficos, de acordo com o site da Submarino, não vejo a hora de assistir ao filme.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...